Você sabe analisar e resolver problemas? Ciclo PDCA (1/7)


Duas das principais tarefas do administrador são analisar e resolver problemas. Será que você sabe como fazer?

Para que este processo não seja feito com base em achismos, existem técnicas apropriadas. Vou falar de 7 técnicas, claro que existem muitas outras, mas estas são as mais conhecidas e utilizadas.

  1. PDCA
  2. BRAINSTORMING
  3. MÉTODO 5W2H
  4. DIAGRAMA DE ISHIKAWA
  5. MÉTODO OFPISA
  6. ANÁLISE GUT
  7. PARETO

Para que o post não fique tão extenso, vou dividir o assunto em 7 partes. Vou começar a série falando de:

PDCA

PDCA é um ciclo de análise e melhoria criado por Walter Shewhart em meados da década de 20 e disseminado para o mundo por Deming, muito conhecido por quem trabalha com Qualidade.
Esta ferramenta é de fundamental importância para a análise e melhoria dos processos organizacionais e para a eficácia do trabalho em equipe.

O nome do ciclo vem do inglês (Plan, Do, Check e Action)  e é uma ferramenta gerencial de tomada de decisão e pode garantir o alcance das metas necessárias à sobrevivência de uma organização, sendo composto das seguintes etapas:

  1. P – PLAN (Planejar): Aqui você identifica o problema e elabora um plano para resolver. Por enquanto são idéias no papel. É importantíssimo que esta fase seja bem feita para que não afete o bom resultado das próximas.
  2. D – DO (Fazer): Nesta fase você coloca o plano em prática.
  3. C – CHECK (Checar/Acompanhar): Você de checar, acompanhar e medir pra saber se tudo que foi feito nas duas fases anteriores deram resultado positivo ou negativo.
  4. A – ACTION (Agir): Caso você tenha obtido resultado positivo, você deverá padronizar processos e/ou treinar funcionários. Caso você tenha obtido resultado negativo, deverá revisar todas as fases anteriores, identificar onde ocorreu a falha e corrigir.

Veja figura abaixo para facilitar entendimento.

O ciclo PDCA pode ser utilizado para quaisquer atividades dentro de uma empresa e não somente para resolução de problemas

Por se tratar de um ciclo, é importante que ele nunca pare de girar.  Se você obteve sucesso no primeiro ciclo, continue girando (sem alterações para garantir a consolidação do processo ou com alterações para implementar melhorias no processo). Se você não obteve sucesso, revise e corrija as falhas conforme descrito na fase 4.

Aguardo você para ler os próximos posts da série.

Cristina Brasão

Anúncios

4 Respostas

  1. Parabéns pela explicação, de fácil entendimento e muito útil…

  2. […] Leia também o post sobre melhoria contínua de processos através da ferramenta Ciclo PDCA. […]

  3. Sandro,
    Com toda certeza! Por tratar-se de uma ferramenta que envolve planejamento, é mais utilizada pelos altos níveis da organização, apesar de que todos os níveis podem e devem trabalhar com planejamento.
    No seu exemplo, definir qualificações, funções entre outras, entra justamente na fase do planejamento, colocar em prática seria estabelecer quem é o responsável pelas funções e por conseguinte você terá que acompanhar e agir pra fechar o ciclo.

  4. Posso utilizar este metodo para reestruturar uma empresa em termos organizacional? Funcoes, qualificacoes e atividades , por exemplo?

Obrigada por comentar o Blog PEGG!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: